Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Veja a Garota Top Site deste Mês..:
O que você procura?

Cadastre-se

Envie Vídeo

nenhuma Enquete encontrada!

Newsletter

Nome:

E-mail:

Diojns Freitas Guimarães
Colunista

Polícia Militar
Postado em: 11/02/2017 às 12h33
TAMANHO DA FONTE  A- A+
ES: Mulheres de PMs mantêm protesto
Capixabas entram no oitavo dia sem policiamento

Apesar do acordo fechado entre representantes dos policiais militares e o governo capixaba, as mulheres dos PMs mantêm a ocupação nas portas dos batalhões.

Esperava-se que após o acordo, a situação começasse a normalizar com a volta dos PMs ao trabalho a partir das 7h deste sábado. No entanto, as ruas das cidades do Espírito Santo seguem sem policiamento pelo oitavo dia consecutivo.

Perto das 8h, alguns policiais se aproximaram do portão principal do Quartel do Comando-Geral da Polícia Militar (PM) do Espírito Santo e fizeram um apelo para que as mulheres desbloqueassem a saída para que pudessem voltar para o policiamento nas ruas. Os PMs disseram que precisavam estar às 8h em seus postos de trabalho porque, caso contrário, seriam punidos.

Às 8h, dezenas de policiais que estavam na rampa de acesso ao batalhão e esperavam para sair retornaram ao prédio do Comando-Geral. Aos gritos de “guerreiros”, eles foram muito aplaudidos pelas manifestantes. As viaturas do Batalhão de Missões Especiais (BME), elite da PM capixaba, também permanecem dentro do quartel.

As mulheres não foram chamadas para a negociação com o governo capixaba nem aceitaram o pacto, que deixou de fora a principal reivindicação da categoria, o aumento salarial. Na proposta apresentada por elas, eram pedidos 20% de reajuste imediato e 23% de reajuste escalonado.

O acordo firmado prevê que o governo analise o cronograma de promoções e suspenda a punição aos PMs amotinados. Na sexta-feira, a Secretaria de Segurança havia anunciado que 703 PMs foram indiciados por crime de revolta (motim de policial armado).

O governo se comprometeu ainda a apresentar um cronograma para promover policiais que têm direito à progressão na carreira por tempo de serviço prestado e a formar uma comissão para analisar a carga horária da corporação. As propostas serão apresentadas dentro de 60 dias.

Reflexo da paralisação 


Nos oito dias de paralisação, 137 pessoas foram assassinadas no Estado, 666 veículos roubados e furtados e 300 lojas saqueadas. Os dados são parciais e ainda não foram confirmados pela Secretaria de Segurança.

Reforço militar

Por volta das 11h, a comitiva com autoridades federais chegou ao Estado. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, e o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, se reuniram no Batalhão do Exército, em Vila Velha, para discutir o envio de mais soldados do Exército para reforçar a segurança. Espera-se que mais 3 mil homens trabalhem no Estado.



 
LINK - ESPALHE POR AÍ!
 
Outras Notícias sobre Polícia Militar
18/10/2017
Tiro atinge janela de Hospital da PM na zona norte do Rio
25/09/2017
Militares aumentam vistorias a carros e vans na Rocinha
23/09/2017
Militares das Forças Armadas iniciam cerco à Rocinha
Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2018
 Ultimos Vídeos
Vídeo mostra homem sendo assassinado a tiros em posto de gasolina na avenida Torquato Tapajós
Data:26/04/2017
Visitas:702
Veja o que um passageiro fez com dois bandidos que tentaram assaltar um ônibus
Data:26/04/2017
Visitas:251
veja o que criminosos fizeram com estas duas jovens
Data:26/04/2017
Visitas:412

   Garota Top Site
02/01/2015
Jackline Silva
Cansanção - Bahia
Publicidade

Oferecimento


Pesquise no portal.::
NOTÍCIAS TV AO VIVO RÁDIO AO VIVO ENTRETENIMENTO SERVIÇOS

©2018 - R10 Notícias - todos os direitos reservados! - WebMedia